Alcoolismo, Prevenção, Estatísticas, e novos perigos.


Em uma reportagem televisiva 05 jovens no Rio de Janeiro, entre 20 e 24 anos, perderam suas vidas em um acidente automobilístico provocado pelo uso excessivo de álcool. Na reportagem houve um debate e a pergunta era: “Como conscientizar os jovens do perigo do álcool?”.

Quase 60% dos jovens, entre 13 e 17 anos, já experimentaram o álcool. É o que mostrou uma pesquisa feita com estudantes em 2015. 3.000.000 de pessoas morrem anualmente em decorrência do uso excessivo de álcool, isto é 8.219 por dia e 5,7 por minuto, sendo a 4ª causa de mortes no mundo.

Agora surge um novo mercado a qual a Ambev (AB InBev), a maior cervejaria do mundo, cujo um dos proprietários é o maior afortunado do Brasil - possuindo um patrimônio estimado em 100 bilhões de reais - vai participar.

Trata-se de bebidas alcoólicas e não alcoólicas (sucos, chás e energéticos) a base de Cannabis (maconha). A mesma que deixa as pessoas aturdidas, preguiçosas e viciadas carregando uma legião de iludidos mundo afora ocasionado danos respiratórios, vasculares, neurológicos, entre outros (como enfisemas e câncer) aos que dela se utilizam através do uso recreativo.

Este mercado já funciona em alguns países cuja substância é permitida. No Canadá, onde esta parceira vai acontecer, já foram investidos US$ 100.000.000.00. Apesar de surpreendente, o investimento ainda é pífio dada a ganância destes que são os responsáveis diretos pela destruição de lares, famílias e também por muitas mortes mundo afora.

Pasmem este mercado (o de bebidas alcoólicas + bebidas à base de maconha) girou, em 2018, um total de US$ 1,3 trilhões e tem uma estimativa de crescimento de 53% ao ano.

Com menos de 1/3 deste valor, por exemplo, com 400 bilhões, daria para fazer o programa completo de saneamento básico de nosso país, pois 50% da população não tem sistema de esgoto e 23% não tem água encanada em seus lares, permitindo assim que muitas vidas fossem salvas, pois 88% das crianças com mortes prematuras falecem em função disto. Com R$ 100 bilhões teríamos o sistema penitenciário ideal para nosso país. Saúde, educação, cultura, transporte, habitação, etc. Daria para fazer muita coisa com esta quantia de dinheiro.

Mas infelizmente as pessoas inconscientes sustentam este mercado e enriquecem estes poderosos grupos que não estão nem aí quando jovens morrem embriagados em acidentes de trânsito, ou quando falecem nos hospitais públicos vítimas de cirrose ou por tantas outra causas relacionadas ao uso de bebidas alcoólicas. Para completar, ainda temos uma lei ridícula que permite a veiculação de propagandas na mídia com a inscrição “Beba com Moderação”, ou “Beba com Sabedoria”. Enquanto alguns tantos morrem, outros fazem um brinde aos novos negócios, ao aumento (e que aumento!) de lucros e ao monopólio empresarial. Vaidade e ganância.

Finalizo o texto respondendo a pergunta do início: Não bebam em circunstância alguma! É assim que ensinaremos nossos jovens, eles aprendem com nós, os adultos.

Dados: ➡️Acidente deixa 5 mortos na Linha Amarela: 'Estava todo mundo bêbado', diz sobrevivente https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2019/12/08/acidente-deixa-mortos-na-linha-amarela.ghtml

➡️Na contramão das campanhas, adolescentes e jovens começam a beber mais cedo https://portal.fiocruz.br/noticia/na-contramao-das-campanhas-adolescentes-e-jovens-comecam-beber-mais-cedo

➡️Uso nocivo de álcool mata mais de 3 milhões de pessoas a cada ano; homens são a maioria https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5763:uso-nocivo-de-alcool-mata-mais-de-3-milhoes-de-pessoas-a-cada-ano-homens-sao-a-maioria&Itemid=839

➡️Bebidas derivadas de cannabis, o próximo mercado bilionário da Ambev https://www.moneytimes.com.br/bebidas-derivadas-de-cannabis-o-proximo-mercado-bilionario-da-ambev/


22 visualizações

Céu da Nova Vida -  Daime

R. Francisco Eugênio Gomes Pereira, 372 - Atuba, Pinhais - PR, 83326-150 CNPJ 05.164.682/0001-91

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone YouTube